Varejistas Brasileiras tem Alta das Vendas com Queda dos Juros

As ações das varejistas estão entre as maiores altas do Ibovespa nesta sexta-feira, impulsionadas por uma série de notícias positivas para o setor. Entre os destaques estão os papéis do GPA (PCAR3), do Magazine Luiza (MGLU3) e do Carrefour (CRFB3), que registraram altas expressivas.

A queda dos juros futuros no Brasil, seguindo a tendência dos Estados Unidos, é um dos fatores que contribuem para o otimismo do mercado. A inflação ao produtor em dezembro nos EUA veio abaixo do esperado, indicando uma deflação e influenciando positivamente os ativos de risco.

Outro ponto positivo para o setor varejista é o aumento nas vendas. O índice Stone Varejo, da adquirente Stone, indicou um crescimento de 1,8% nas vendas em dezembro, continuando a tendência de recuperação observada desde novembro.

Especulação sobre Tributação de Compras Internacionais

Há também rumores de que o governo brasileiro estuda a taxação de compras internacionais abaixo de US$ 50. Essa medida poderia beneficiar as varejistas de moda e marketplaces brasileiros, que enfrentam a concorrência de plataformas asiáticas.

O Carrefour, em particular, recebeu uma recomendação elevada para equivalente a compra pelo Itaú BBA. O banco acredita que a empresa se beneficiará de uma reversão da tendência deflacionária nos alimentos e de uma estratégia mais racional de alocação de capital.

Leia mais:

O cenário atual é visto como mais positivo para o varejo, com uma recuperação das empresas que enfrentaram dificuldades no ano passado. A combinação de fatores macroeconômicos favoráveis e medidas governamentais potenciais cria um ambiente otimista para as varejistas no mercado de ações.

Deixe um comentário